domingo, 15 de maio de 2011

Don laurindo Gran Reserva 2002


Vinho : Don Laurindo Gran Reserva
Tipo : Tinto seco
Safra : 2002
País : Brasil
Região : Vale dos Vinhedos / Bento Gonçalves
Produtor : Vinícola Don Laurindo
Casta : Tannat e Ancelota
Graduação : 13,7%
Onde Comprar : http://www.donlaurindo.com.br/
Preço : R$ 130,00

                                 Don Laurindo Gran Reserva 2002, chamou atenção pelo equilíbrio, elegância e maturidade. Uma cor vermelho terracota com halo cor de telha, mostrando toda a sua evolução. Lágrimas lentas, viscosas e abundantes. Seu aromas nos remete a especiarias como pimenta, canela, tem também notas de charuto(fumo), couro, urina de cavalo e café torrado. Um vinho rico em aromas terciários.
                                Na boca elegante, soberbo, acidez maravilhosa. Taninos maduros, retrogosto demorado, agradável e álccol quase imperseptível. Para os amantes do vinho nacional é um verdadeiro orgulho provar um caldo desta categoria. Aos que criticam o vinho do Brasil fica aí a dica deste excelente produto. Um vinho perfeito do primeiro ao último gole.
                                Vai bem com carneiro, pato e também com um filet ao fungi. Prepare sua picanha de pato, tempere com um pouco de pimenta preta moida, abra uma garrafa deste exemplar nacional e se delicie. Sobre o preço... Acho que vale sim os R$130,00, já tomei muita porcaria pagando mais que isso.

4 comentários:

Emílio César Dias Bonetti disse...

Olá, colega! Aqui é o Emílio, do Adega para todos. Não conheço este top da Don Laurindo, mas os seus vinhos de base são incomparáveis no quesito custo-benefício, em terras tupiniquins. Quanto ao preço, concordo em relação as porcarias provadas por alto preço. Vou dar aqui 2 exemplos de vinhos que não são porcarias, até que são bons, mas não justificam nem de longe seus alto preços: Almaviva e Val de Flores. Até a próxima!

FERNANDA disse...

Meu lindo, teu blog ta show! Cada dia melhor!! Admiro vc sempre!! Faça-me aprender a apreciar um bom caldo, por favor... Kkkkkkkkk! Te amo!! Bjoooooo

Anônimo disse...

Meu caro Emílio César Dias Bonetti, concordo em gênero, número e grau com você.
Grande abraço, Rômulo Lôbo.

Anônimo disse...

Amor, vou te ensinar...
Te amo, Rômulo Lôbo.

Postar um comentário